top of page

Tratamento com canabidiol: dosagens, utilizações e indicações

Atualizado: 4 de jul. de 2023

O uso do tratamento com canabidiol no Brasil está em crescimento. Desse modo, diversos pacientes com mal de Parkinson, epilepsia, ansiedade ou esclerose lateral amiotrófica podem ter uma melhor qualidade de vida. 

Entretanto, é importante entender que as dosagens e utilizações só podem ser prescritas por um médico capacitado. Portanto, para comprar os medicamentos é obrigatório a receita médica e a aprovação da Anvisa.

Pensando nisso, preparamos o conteúdo a seguir com tudo o que você precisa saber sobre o tratamento com canabidiol. Assim, conheça as dosagens, contraindicações e entenda sobre a eficácia do CBD no tratamento de vários pacientes.


Como é o tratamento com canabidiol?


O tratamento com canabidiol apresenta uma série de atestados que devem ser apresentados à Anvisa, com o objetivo de garantir a necessidade de seu uso. A partir disso, o paciente tem o direito de comprar nacionalmente os medicamentos. 


Quais são as dosagens?


De modo geral, a partir da prescrição médica é possível ter acesso aos medicamentos à base de cannabis medicinal. Embora tenha um limite de dosagem diário, cada paciente tem um tratamento específico para as suas condições.

Com isso, a dosagem média é de 2,5 miligramas por quilograma de peso corporal duas vezes ao dia, ou seja, um total de 5 mg / kg por dia.

Após uma semana de tratamento as dosagens podem aumentar para 5 mg / kg duas vezes ao dia, total de 10 mg / kg por dia.

No entanto, é importante ressaltar que os medicamentos comercializados legalmente no país não podem possuir índice de THC superior a 0,2%. Para pacientes que necessitem de um índice maior, como em casos terminais, é necessário um outro tipo de receita.

Desse modo, todo o tratamento com canabidiol passa a ser importado e regulamentado pela Anvisa, auxiliando a garantir a eficácia e segurança do paciente.


Fatores que influenciam na dosagem


Diversos fatores podem influenciar na dosagem dos pacientes, principalmente a condição médica, ou seja, a doença e o seu grau de desenvolvimento. Com isso, um paciente com epilepsia tende a ter dosagens mais altas que uma pessoa com ansiedade, por exemplo.

Além disso, outro fator importante é o peso dos pacientes, afinal, a dose é calculada de acordo com o peso corporal. Por fim, a dosagem também pode ser alterada de acordo com o tipo de medicamento, seja em cápsula ou em gotas.


Como usar o canabidiol


Após a prescrição e receita médica, o uso do canabidiol é bastante simples. O modelo mais utilizado é o sublingual através de gotas do medicamento. Para isso, de acordo com a dosagem prescrita basta pingar a quantidade indicada sob a língua.

Posteriormente, deixe o medicamento sob a língua por algum tempo, em torno de 30 segundos antes de engoli-lo. A partir disso, os efeitos podem começar a ser sentidos após 20 a 30 minutos e prolongados por algumas horas dependendo de cada organismo.


Existem contraindicações para o tratamento com canabidiol?


imagem ilustrativa saiba se existem contraindicações para o tratamento com canabidiol

Assim como todos os medicamentos disponíveis nas farmácias, o tratamento com canabidiol possui algumas contraindicações. Portanto, confira agora algumas contra indicações tradicionais de grande parte dos medicamentos e canabidiol.


Quais são as possíveis contraindicações e feitos colaterais?


Como de praxe, é contraindicado para crianças menores de 2 anos e pessoas com histórico de uso de drogas. Além disso, pessoas com alergia ao medicamento também possuem contraindicação, assim como mulheres grávidas ou em período de amamentação.

A partir do uso do tratamento com canabidiol, alguns efeitos colaterais brandos podem surgir como sonolência ou insônia, dependendo do organismo e dores de cabeça. Assim, como alteração do apetite, diarreia e agitação.


Quando o tratamento com canabidiol é eficaz?


Agora que você já conhece um pouco mais sobre as dosagens e contraindicações do tratamento com canabidiol, vamos conhecer algumas doenças em que ele é eficaz. 


1- Transtorno do Espectro Autista (TEA)


Conhecido como autismo, é uma condição que afeta a cognição social e seu diagnóstico pode aparecer ainda nos primeiros anos de vida. Assim, além de tratamentos com psicólogos e acompanhamento médico, o uso do canabidiol pode ser fundamental.

Desse modo, ajuda a controlar a agitação e a confusão mental, auxiliando em uma melhor qualidade de vida, melhorando o sono e diminuindo a frequência de crises.


2- Esclerose Lateral Amiotrófica


A Esclerose Lateral Amiotrófica, conhecida também como ELA, é uma doença neurodegenerativa que afeta, principalmente, o sistema motor. Portanto, provoca o enfraquecimento muscular progressivo de todo o corpo.

Com isso, o tratamento com canabidiol é uma ótima alternativa para diminuir as dores e facilitar na rotina diária e no sono desses pacientes.


3- Dores crônicas


Como no caso anterior, o tratamento com canabidiol é uma importante opção para o controle de dores, afinal, possui uma grande capacidade analgésica.

Assim, o tratamento é importante para pacientes com dores crônicas que não respondem aos tratamentos convencionais.


4- Alzheimer


O Alzheimer é uma doença neurodegenerativa que ocasiona a morte celular dos neurônios, dessa forma, afeta diretamente a memória e a cognição dos pacientes.

A partir do tratamento com canabidiol esse efeito pode ser retartado, prolongando a qualidade de vida do paciente.


imagem ilustrativa medicamentos da Vivabis para tratamento com canabidiol


Utilize medicamentos da Vivabis para começar seu tratamento com canabidiol


Agora que você já sabe tudo sobre o tratamento com canabidiol é possível entender as dosagens corretas e possíveis contraindicações. Desse modo, entende-se a importância desse medicamento para possibilitar uma melhor qualidade de vida às pessoas.

Com isso, é fundamental um acompanhamento médico e uma prescrição médica condizente com as necessidades do seu caso e com seu peso corporal. Para isso, inicie seu tratamento com a Vivabis e tenha todo o auxílio necessário.

Conosco você poderá ter acesso a um acompanhamento médico personalizado e os melhores medicamentos à base de canabidiol disponíveis no mercado. Portanto, agende sua consulta e receba sua receita médica e medicamentos em até 5 dias úteis.

Para acompanhar outros conteúdos sobre o uso do canabidiol e como funciona o tratamento, confira o Blog da Vivabis.

34 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page